Após ser indagado pelo Diretor Junior do Sindicato União sobre o Plano de Cargos e Carreiras e Salários o Presidente do TJSP respondeu com clareza.

28/11/2018

Presidente do TJSP se reúne com integrantes da 5ª RAJ

Reuniões aconteceram em Marília.

        A Comarca de Marília vivenciou um dia diferente na última sexta-feira (23). Mesmo sem a alteração do expediente forense, magistrados e servidores não só recepcionaram o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças, como receberam os juízes da 5ª Região Administrativa Judiciária (5ª RAJ), com sede em Presidente Prudente, e que abrange as comarcas de Adamantina, Assis, Bastos, Cândido Mota, Dracena, Flórida Paulista, Gália, Garça, Iepê, Junqueirópolis, Lucélia, Maracaí, Marília, Martinópolis, Mirante do Paranapanema, Osvaldo Cruz, Pacaembu, Palmital, Panorama, Paraguaçu Paulista, Pirapozinho, Pompéia, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Quatá, Rancharia, Regente Feijó, Rosana, Santo Anastácio, Teodoro Sampaio, Tupã e Tupi Paulista. Na 5ª RAJ há mais de 720 mil processos em andamento. Eles também recepcionaram as autoridades do município que, atendendo ao convite da Presidência do TJSP, lá estavam para oferecer ajuda em questões pertinentes ao Judiciário local.

        Em Marília, até a reunião de trabalho com os servidores teve um toque diferenciado: o Coral Habeas Chorus – formado em abril de 2017 e composto por 26 servidores da comarca – fez uma apresentação especial. Sob a regência da pianista Valdete Palma Mariano Remanaschi (escrevente técnico judiciário da 5ª Vara Cível), o coral já fez várias apresentações no fórum e fora dele, além dos espaços forenses. Segundo a regente, “por meio da música, uma arte magnífica, buscamos alegrar e emocionar o coração das pessoas trazendo paz e alegria”. Os servidores aproveitaram para agradecer a Presidência do TJSP, os juízes e os diretores que permitem a realização dessa atividade junto aos fóruns do Estado.

        Da reunião com os representantes locais participaram o presidente da Câmara, delegado Wilson Damasceno; o secretário estadual de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia e deputado estadual eleito, Vinícius Camarinha; o vereador Danilo Bigeschi; os procuradores do município Ronaldo Duarte (representando o prefeito) e Domingos Caramaschi Júnior (representando o procurador geral); o secretário da Promotoria Criminal, promotor de Justiça Gilson César Augusto da Silva; os defensores públicos Bruno Bortolucci Baghim (coordenador regional) e Lucas Pampana Basoli; o presidente, o vice-presidente e o tesoureiro da 31ª Subseção da OAB Marília, respectivamente, Marlúcio Bonfim Trindade, Tércio Spigolon Giella Palmieri Spigolon e Pedro Paulo Arantes Gonçales Galhardo; o delegado seccional da Polícia Civil, Wilson Carlos Frazão; o tenente PM Arashiro; o vice-reitor da Univem, Luiz Fernando Cardoso; o representante do reitor da Unimar, Jefferson Luís Mazzini e os magistrados João Pedro Bressane de Paula Barbosa (2ª Vara Criminal e diretor da 5ª RAJ de Presidente Prudente) e José Roberto Nogueira Nascimento (Vara da Infância e da Juventude e diretor do fórum de Marília).

        Durante o encontro, os integrantes do Poder Legislativo de Marília entregaram ao presidente do TJSP o título de “Visitante Ilustre”. Pereira Calças agradeceu a homenagem em nome de todo o Judiciário e dialogou com os marilienses colocando questões que buscam sempre o serviço jurisdicional de alta qualidade. “Quando estive na Corregedoria Geral da Justiça não visitei a Comarca de Marília, por isso, cumpro a promessa feita por mim e para mim. Quis vir a Marília para homenagear os juízes que aqui estão e os que aqui já estiveram. Fico muito feliz de reencontrar o juiz Eclair Ferraz Beneditti, que é coordenador adjunto da 31ª Circunscrição Judiciária de Marília. Professor de muitos que aqui estão! Venho, como presidente, ouvir as lideranças locais porque mesmo tendo informações técnicas, é preciso que a Presidência verifique o que é necessário para melhorar a jurisdição.” Como pleitos, Marília apresentou a instalação da 2ª Vara da Fazenda Pública e a criação da Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher.

        Trinta magistrados participaram da reunião de trabalho com o presidente Pereira Calças: o coordenador adjunto da 31ª CJ, Eclair Ferraz Beneditti; de Marília, Angela Martinez Heinrich (5ª Cível), Décio Divanir Mazeto (3ª Criminal), Ernani Desco Filho (2ª Cível), Giuliana Casalenuovo Brizzi Herculian (auxiliar), José Antonio Bernardo (2ª Vara da Família e das Sucessões), José Augusto Franca Junior (auxiliar), José Roberto Nogueira Nascimento (Vara da Infância e da Juventude e diretor do fórum), Luís Augusto da Silva Campoy (auxiliar), Luís Cesar Bertoncini (3ª Cível), Luiz Augusto Esteves de Mello (2ª Vara Criminal e coordenador do Deecrim da 5ª RAJ), Paula Jacqueline Bredariol de Oliveira (1ª Cível), Renata Biagioni (Vara das Execuções Criminais), Thais Feguri Krizanowski Farinelli (auxiliar), Valdeci Mendes de Oliveira (4ª Cível) e Walmir Idalêncio dos Santos Cruz (Vara da Fazenda Pública); de Tupã, Alexandre Rodrigues Ferreira (1ª Cível e diretor do fórum de Palmital, em exercício), Guilherme Facchini Bocchi Azevedo (auxiliar), Paolo Pellegrini Junior (Vara do Juizado Especial Cível e diretor do fórum) e Paulo Gustavo Ferrari (Vara das Execuções Criminais); de Gália, Henrique Dada Paiva; de Garça, Jamil Ros Sabbag (2ª Vara e diretor do fórum); de Cândido Mota, Juliana Dias Almeida de Filippo (1ª Vara e diretora do fórum); Mônica Tucunduva Spera Manfio (Vara da Família e das Sucessões e diretora do fórum) e Thiago Baldani Gomes de Filippo (2ª Criminal e de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher); de Pompéia, Rodrigo Martins Marques (1 ª Vara); de Panorama, Tiago Henrique Grigorini (2ª Vara e diretor do fórum).

        Entre os temas tratados nas reuniões de trabalho destaque para a redução de despesas com aluguéis, com critérios objetivos para a renegociação dos preços, lista de antiguidades (no caso dos magistrados), projetos de lei em trâmite nas esferas federal estadual e questões institucionais que abarcam os aposentados, os servidores, os juízes e os desembargadores, além das dificuldades inerentes às questões orçamentárias. Também foram tratados temas como contratação de servidores e plano de carreira.

 https://www.tjsp.jus.br/Noticias/Noticia?codigoNoticia=55137

 

        Mais fotos no Flickr.

 

        Comunicação Social TJSP – RS (texto) / AC (fotos)

        imprensatj@tjsp.jus.br  

 

 

 


Galeria de imagens



Compartilhe